música

Em SP, Slash dá aula de rock
para casa de shows lotada


Fonte: R7


Eram 21h30 em ponto, horário marcado para o início da apresentação, quando as luzes se apagaram e uma gravação do Hino Nacional começou a rolar pelo HSBC Brasil, em São Paulo.

A música, tão solene para um show de rock, pegou de surpresa os fãs que lotavam a casa de shows. O espetáculo já ia começar? Assim, tão pontualmente?

Foi nesse clima de respeito ao público e ao país em que se estava se apresentando que a banda do guitarrista Slash subiu ao palco da capital paulista.

O cumprimento à platéia veio em português e foi feito pelo vocalista do grupo, Myles Kennedy.

- Boa noite, São Paulo. Vocês estão preparados para rock ‘n roll?

E era bom que todos estivessem, porque a banda daria uma aula sobre o tema dali para frente.

O show, que faz parte da turnê We’re All Gonna Die e divulga o primeiro álbum solo do famoso guitarrista, começou com o mesmo set list apresentado no Rio de Janeiro.

A música de abertura foi Ghost, sucesso de Slash neste seu novo álbum.

Na sequência vieram Mean Bone (da banda Slash’s Snakepit, que foi liderada por Slash antes de seu trabalho solo, mas que está fora de atividade) e Sucker Train Blues (do Velvet Revolver, grupo que está parado, mas que conta com o guitarrista entre seus integrantes).

Só por essas três primeiras músicas já foi possível notar em quantos trabalhos o astro da noite, cujo nome verdadeiro é Saul Hudson, colocou as mãos desde que saiu do Guns ‘n Roses.

E mesmo após tanto tempo de estrada, no palco Slash mostrou que ainda faz rock de verdade, com prazer ao tocar cada nota.

Sua banda, formada por integrantes cujos nomes não são clássicos do mundo da música, alimenta ainda mais esse frescor em cena.

Frescor de rock jovem, livre.

A produção para o espetáculo é pequena.

O palco conta apenas com um cenário onde se vê estampado a capa do CD de Slash.

A casa de shows – que é não é muito grande – ajuda a conferir ao espetáculo um ar ainda mais iniciante. Com paixão de começo de namoro. Empolgante para o público.